Presidente da Diversidade Tucana de Alagoas passa a integrar a Rede de Ação Política pela Sustentabilidade


Roberto Silva está entre os 102 selecionados para a formação de novas lideranças políticas da RAPS

A RAPS é uma Rede de Ação Política pela Sustentabilidade, empreendendo na política por um Brasil sustentável. O processo de escolha dos novos líderes da RAPS teve inicio no final de 2017 e contou com mais de mil inscritos e mais de 200 entrevistas realizadas. Inúmeras planilhas, conferências de dados e reuniões. Após mais de três meses de trabalho, a RAPS orgulhosamente apresenta as 102 novas lideranças políticas de sua rede de lideranças. São mulheres, homens e ativistas do movimento LGBT.  Pessoas de várias regiões do país, de diversos partidos, com diferentes pautas e um único objetivo: transformar a política brasileira.

Dentro dos 102 selecionados, Alagoas teve dois eleitos, sendo um deles Roberto Silva, Cientista Social, Presidente da Diversidade Tucana de Alagoas e Coordenador do Nordeste para o Segmento da Diversidade Tucana. Roberto também é Coordenador da Diversidade Sexual de Maceió junto a Secretária Municipal de Assistência Social de Maceió, Vice Presidente do Conselho Municipal de Direito da Cidadania LGBT, ocupante da cadeira titular para o biênio 2018-2020 do Conselho Estadual de Combate à Discriminação e Promoção dos Direitos LGBT de Alagoas.



Roberto Silva foi selecionado entre os 14 que não são candidatos ao cargo do Legislativo. Porém, sua função é formar novas lideranças a partir da formação que a RAPS vai oferecer.

O Início do Curso se dá em 24 e 25 de Fevereiro em São Paulo com diversas atividades até Junho de 2018.

Rede de Ação Política pela Sustentabilidade

Constituída em maio de 2012, a Rede de Ação Política pela Sustentabilidade (RAPS) objetiva contribuir para o fortalecimento e o aperfeiçoamento da democracia e das instituições republicanas, mediante o apoio à formação de lideranças políticas que colaborem com a transformação do Brasil em um país mais justo, próspero, solidário, democrático e sustentável. Com a necessidade de empreender na política, a RAPS nasceu alinhada a estes objetivos e se propõe a ser uma resposta de como é possível empreender na política de forma inovadora por um Brasil sustentável.




Comentários

Mais lidas