Parada LGBT de São Paulo divulga tema da 16ª edição e promove concurso para artistas visuais

Homofobia tem cura: educação e criminalização! – Preconceito e exclusão, fora de cogitação! é o tema da 16ª Parada do Orgulho LGBT de São Paulo. A frase foi a mais votada pelo público através da campanha #temadaparada, com enquete no site da organização. Agora, a APOGLBT (Associação da Parada do Orgulho GLBT de São Paulo) abre espaço para talentos das artes visuais e inicia nesta segunda-feira (30) um concurso cultural para definir a imagem que irá estampar todo material gráfico de divulgação do calendário, que ocorre entre maio e junho deste ano. Os interessados em participar devem enviar seus trabalhos para a sede da Associação até 29 de fevereiro.

O tema 16ª Parada é resultado de uma campanha realizada pela APOGLBT na internet. A autoria da frase escolhida é de Anita da Costa Prado e Luis Guilherme, que participaram da iniciativa promovida durante o último mês de novembro. Entre cerca de 250 sugestões recebidas por e-mail, Facebook e Twitter, as frases de Anita e Luis foram selecionadas pela entidade entre as seis finalistas e, em votação realizada no site da Associação, o tema composto pela dupla foi o escolhido com 41% da preferência do público.

A frase faz referência ao problema da discriminação como uma doença social que afeta a cidadania coletiva e reivindica ainda a aprovação do projeto didático Escola Sem Homofobia e do Projeto de Lei da Câmara (PLC) 122/2006, que visa criminalizar a homofobia em âmbito nacional, como as principais ferramentas para “curar” a sociedade do preconceito.

“Todas as formas de preconceito afetam não apenas o grupo que é vitimado, mas a sociedade como um todo. O Brasil precisa entender que educar para o fim da homofobia e condenar os homofóbicos não são medidas que privilegiam os LGBT, mas garantem a igualdade e liberdade de todos os cidadãos”, afirma o presidente da APOGLBT, Fernando Quaresma.


Concurso para escolha da arte

A imagem selecionada deve traduzir o contexto e o sentimento expressos pelo tema. A arte irá integrar a identidade visual do 16º Mês do Orgulho LGBT de São Paulo e estampar cartazes, banners, folders, camisetas, bottons, fundos de palco, telas dos trios elétricos, possíveis materiais audiovisuais e demais materiais gráficos.

Os trabalhos inscritos serão avaliados pela direção e coordenadorias da APOGLBT, que utilizarão como critérios de julgamento a originalidade, a criatividade, o impacto e a adequação ao tema. Serão aceitos todos os tipos de imagem, desde fotografias até ilustrações desenvolvidas a partir de qualquer método artístico, manual ou digital.

Para participar, é necessário enviar a arte para sede da Associação, localizada na Praça da República, nº 386, conjunto 22, República, São Paulo –SP – CEP 010045-000. A correspondência deve ser emitida por carta registrada e precisa conter um CD com uma cópia da imagem em alta resolução, uma cópia impressa em formato A4 e o formulário de inscrição e cessão de direitos autorais devidamente assinado com firma reconhecida em cartório. O formulário e o regulamento do concurso encontram-se disponíveis para consulta e download no site da APOGLBT.

Tendo em vista que a APOGLBT é uma entidade sem fins lucrativos, para o(a) autor(a) da imagem escolhida será concedido um prêmio simbólico de R$ 500,00, com ampla divulgação e citação de seu crédito, inclusive para a imprensa. O(A) selecionado(a) ainda acompanhará de perto todas as atividades do Mês do Orgulho e terá acesso com um acompanhante ao trio elétrico de abertura da manifestação, ao lado de personalidades políticas e da militância nacional.


16º Mês do Orgulho LGBT de São Paulo

O Mês do Orgulho LGBT de São Paulo é o calendário anual de atividades sócio-politico-culturais promovido pela APOGLBT a fim de defender a cidadania e Direitos Humanos da população LGBT, assim como educar a sociedade para o fim da discriminação e preconceito. Além da 16ª Parada do Orgulho LGBT – que ocorre em 10 de junho, na Avenida Paulista – neste ano é realizada a 10ª edição do Ciclo de Debates, a 12ª Feira Cultural LGBT, o 12º Prêmio Cidadania em Respeito à Diversidade e o 12º Gay Day.

Para mais informações sobre o tema escolhido e o concurso para escolha da arte, acesse o site da APOGLBT em www.paradasp.org.br, curta a Parada no Facebook (facebook.com/paradasp) e siga twitter.com/paradasp. A Associação também atende pelo e-mail paradasp@paradasp.org.br e pelo telefone (11) 3362-8266.

Comentários

Postagens mais visitadas